fbpx

Comunicado

PLANO DE CONTINGÊNCIA

COVID-19

Neste momento é responsabilidade de cada um de nós proteger-se a si e a quem o rodeia.

Tendo em conta a dimensão do que estamos a viver, é nossa responsabilidade continuar a apoiar quem precisa. Mas de forma consciente e protectora.

Para já apelamos a que todos nós adotemos medidas preventivas para que possamos garantir em segurança os serviços e o apoio que prestamos.

Como tal, em consciência, decidimos deixar algumas das medidas que consideramos importantes, e que foram também já  estas recomendações devem ser seguidas em todos os funerais:

  • Adotaremos todas as medidas necessárias de protecção individual, nomeadamente o uso dos equipamentos de protecção adequados;

  • Reforçamos o nosso plano de limpeza e hifenização nos nossos equipamentos/estabelecimentos;

  • Dispomos, nos nossos estabelecimentos, soluções à base de álcool para desinfecção das mãos, mascaras, luvas e aplicação de um renovador e desinfectante da atmosfera, aprovados pela indústria criados especificamente para eliminar o COVID-19;

  • Dispomos de um serviço online para encomenda e entrega de flores. Visite a nossa página online clique aqui e conte connosco para homenagear os seus entes queridos, evitando o contacto presencial.

  • Apelamos a que as condolências não sejam dadas de forma pessoal (evitar o contacto pessoal); Deixem as vossas condolências, por exemplo, na nossa página de internet clique aqui, no facebook clique aqui,

  • Aconselhamos que a contratação e planeamento do serviço fúnebre passe a realizar-se nos escritórios da agência funerária com data e hora pré-definida, devendo tomar parte, no máximo, dois familiares com legitimidade para o efeito;

  • Aconselhamos que todo o procedimento burocrático seja realizado à distância, entre a família e o operador funerário, e entre este e os serviços públicos;

  • Aconselhamos a não realização do velório público, que o tradicional velório seja substituído por uma vigília de curta duração (2 a 3 horas) tendo em conta que o número de pessoas presentes cumpra as instruções de lotação máxima aplicáveis ao espaço da capela mortuária. A definição das condições sanitárias e de lotação são da responsabilidade da entidade gestora do espaço.

  • Aconselhamos a não realização de cerimónias religiosas com aglomeração de várias pessoas num espaço reduzido, que as cerimónias religiosas sejam preferencialmente ao “ar livre” e/ou no cemitério. No caso de acontecerem na Igreja, a definição das condições sanitárias e de lotação são da responsabilidade das Autoridades Religiosas;

  • Aconselhamos o uso obrigatório de equipamentos de protecção individual.

  • A não permissão, que sejam transportadas quaisquer pessoas, para além do pessoal da agência funerária;

  • Na impossibilidade de o médico se deslocar ao domicílio, aconselhamos que as autoridades policiais accionem a remoção do cadáver para o Gabinete Médico Legal mais próximo, ainda que seja dispensada a autópsia;

  • Aconselhamos a utilização de equipamentos de frio enquanto se aguarda a tramitação burocrática e a realização do funeral.

  • De resto é importante seguir todas as recomendações já dadas pelas entidades responsáveis, lavar as mãos, é fundamental lavar sempre as mãos antes de tocar no rosto, antes de comer, depois de mexer em algo que passe por “muitas mãos”, espirrar e tossir é sempre para o braço, cumprimentar evitando demasiados afetos, evitar sítios fechados e/ou com grandes aglomerados populacionais, fiquem em casa se estiverem de quarentena;

A Funerária Alves está convicta da premente importância destas medidas excecionais de salvaguarda, a implementar em caso de óbito. Seja para os nossos colaboradores  que, atendendo ao sentido de serviço comunitário, continuam a assegurar a normalidade dos serviços fúnebres, ainda que altamente expostos, quer para as famílias enlutadas.

A estas, e de forma solidária, pedimos a maior compreensão para o momento único da nossa história que estamos a viver e que obriga a medidas excecionais temporárias de salvaguarda.

Acreditamos que todos juntos conseguiremos ultrapassar este momento, com serenidade e responsabilidade.

15 de Março 2020
Actualizado, 21 Abril , 2020
Actualizado, 21 Maio, 2020

Subcrever

Subscreva a nossa newsletter.
Mantenha-se informado sobre as principais notícias.